desafio um mês sem plástico

 Em desperdício zero, PT

Inspirado no plastic free july, movimento que nasceu na austrália, trago-vos o desafio de um mês sem plástico.

O desafio é simples, reduzir, recusar, ou para os mais empenhados eliminar, o plástico descartável, de uma só utilização durante este mês. Na verdade, se conseguimos fazer durante um mês, é provável que este ritual se mantenha, e é por isso que este desafio é tão importante, para criarmos hábitos que mudam o mundo!

Antes de avançarmos para a parte prática de como viver sem plástico, quero apenas deixar-vos algumas palavras.

um mês sem plástico

a vida toda sem plástico

Uma vida completamente livre de plástico é difícil. Não é impossível, mas é difícil. Depende de muitas variantes, o local onde vivemos, os recursos financeiros que temos disponíveis, o empenho, as jigajogas que fazemos para adaptar a nossa vida e a nossa rotina a esta causa, e acima de tudo da nossa vontade. No entanto uma vida sem plástico descartável é simples, basta fazer alguns esforços e adaptar a nossa rotina.

É responsabilidade DE TODOS e todas reduzir ao máximo o lixo que produzimos, não é só da minoria da malta dos movimentos zerowaste espalhados por este mundo.

Vivemos num planeta que grita desesperado pela nossa ajuda, que está cansado de ser maltratado. Um planeta que é a nossa casa, e que merece tanto amor como tudo o resto que é importante para nós nas nossas vidas. É  responsabilidade de todos esta consciencialização.

Por ser  responsabilidade de todos, não nos devemos  ir abaixo, e sentir uma fraude, no dia em que compramos as maçãs embaladas porque não encontrámos uma opção mais viável. (´ve been there, done that). É preciso adaptar e levar isto na desportiva. O que vos trago é um kit básico que podem começar a usar já hoje.

Se todos agirmos em prol deste bem comum, tão preciso, que é a mãe terra, podemos mesmo mudar o mundo.

Alguns números

  • 100, 000 animais marinhos morrem anualmente porque engoliram plástico.
  • Os americanos gastam em média 100 biliões de sacos de plástico por ano. Cada saco demora entre 400 a 1000 anos a decompor. Façam as contas.
  • Em 2012 nos EUA, só apenas 9% do plástico que foi colocado no ecoponto, é que foi possível reciclar.
    A solução não está em comprar materiais que podemos reciclar, está em comprar MENOS, reciclar menos, e utilizar materiais que possamos usar no composto, ou materiais de qualidade de longa duração.

KIT DE INICIAÇÃO

 Neste vídeo podem ver o meu primeiro kit. Na altura usei os recursos que tinha em casa, sem gastar um cêntimo. De certeza que também têm por aí estes objetos, e mesmo que sejam feitos de plástico, como é o caso do meu cantil, é reutilizável, e já me acompanha há muitos anos.

Se reparem e pesquisarem um pouco mais sobre este assunto, vão ver que as propostas são sempre as mesmas, porque resultam, são práticas, e são fáceis de implementar. Eu vou continuar a escrever sobre isto, a repetir até à exaustão, se chegar a uma pessoa nova de cada vez, já valeu a pena.

CANTIL OU GARRAFA REUTILIZÁVEL

Para evitarmos comprar garrafas de plástico na rua. Mesmo que reutilizemos essas garrafas de plástico, o plástico em si, especialmente quando exposto ao sol, liberta substâncias nocivas, que afetam as nossas hormonas.

É importante ter uma garrafa reutilizável, feita com materiais de qualidade, de preferência reciclável, e que tenha um tamanho que se adapte às nossas necessidades, nem demasiado grande e pesada, nem demasiado pequena.

No meu caso tenho um cantil de 1,5l para o ginásio, quando saio com mochila, ou sei que vou estar o dia todo fora de casa. A garrafa pequena utilizo para saídas de curta duração, e quando uso uma mala pequena.

 COPO REUTILIZÁVEL

copo keepup

imagem retirada do site da Pegada Verde

SITE AQUI

Este é especialmente importante para a malta que bebe cafés em copos de papel todos os dias. Para os amantes do Starbucks e companhia, que acham que é super stylish, NY street style, passear-se na rua com um copo com um latte na mão. Não é. E ao final do ano gastaram uma quantidade absurda de copos. Agora multipliquem esses copos por todas as cadeias de restauração, e por todas as pessoas que os usam diariamente no mundo inteiro.

Para quem não é amante de cafezinhos, é o meu caso, só uso o meu copo quando sei que vou a um sitio que só tem copos de papel ou plástico. Não anda diariamente na minha mala, mas está sempre à mão.

CONJUNTO DE TALHERES, GUARDANAPO E PALHINHA

zerowastekit

imagem retirada do site da vendedora, podem saber mais aqui

Cá em casa chamamos a estas bolsas fofas, kits zero waste e andam sempre connosco. São compostos por uma palhinha de metal, escova para lavar a palhinha, talheres de bambu, e um guardanapo de pano.

(Comprei estes kits na etsy, no link acima,  e estou seriamente a pensar fabricar os meus para vender em Portugal. Desse lado, estão interessados? )

Sinto que estou sempre prevenida com este kit, e nas férias salvou-nos as refeições muitas vezes! Caso não queiram comprar, façam vocês mesmos o vosso em casa.

SACOS DE PANO E FRASCOS DE VIDRO

E as suas mil e uma utilizações. Servem para comprar mercearias a granel, para transportar comida e bebida. E no supermercado convencional serve para inspirar quem vem perguntar porque raio temos sacos de pano para colocar as cebolas, certo? É pelo exemplo que chegamos lá.

SACOS GRANDES DE PLÁSTICO REUTILIZÁVEIS

Estes sacos ainda que não sejam os mais amigos do ambiente habitam em todas as casas dos portugueses. O truque é andar sempre com um no carro ou na mala. Não se justifica mesmo continuar a pagar por sacos de plástico no supermercado. E não se esqueçam do tempo que um singelo saco de plástico demora a decompor-se.

COMO REDUZIR O PLÁSTICO A PARTIR DE AGORA!

  •  recusar sacos de plástico
  • levar o copo reutilizável para beber bebidas quentes
  • recusar palhinhas ou usar palhinha reutilizável
  • no supermercado: evitar comida embalada, usar frascos de vidro e  sacos de pano
    comprar a granel
  •  utilizar cantil ou garrafa reutilizável
  • utilizar talheres de metal ou bambu e guardanapo de pano
  • usar pratos reutilizáveis, especialmente agora nos piqueniques de verão, malta
  • fazer ou usar produtos de higiene artesanais, usar escovas de dentes, e escovas de cabelo de bambu, shampoo em barra, etc.

LINKS PARA APROFUNDAR

Recursos em Portugal. O grupo lixo zero é muito interativo e inspirador.

página facebook aqui 

grupo facebook aqui 

Site do movimento #plasticfreejuly subscrevam o desafio, e recebam informação diariamente. Façam parte desta mudança, inspirem a vossa comunidade, mudem o vosso pequeno mundo!

PLASTIC FREE JULY LINK AQUI 

Neste post, que podem ler aqui, têm também uma checklist de apoio que podem ter sempre convosco e usar como referência na altura de fazer substituições. Partilhem a lista com os vossos amigos. 

imagem: plastic free july

Que mudanças vão implementar? Partilhem nos comentários

claudiasignature

 

 

Posts Recentes
Mostrar 2 comentários
  • Joana pargana
    Responder

    Cláudia… não vai ser fácil… mas cá em casa vamos nos esforçar ao máximo… as palhinhas cá em casa são sempre reutilizadas ! ! Bjs e boa sorte

    • Cláudia
      Responder

      Olá Joana, que bom ver-te aqui!!! Sim, aos poucos a mudança acontece, mas só de estares atenta já vai fazer uma grande diferença. Grande beijinho

0